Biblioteca comunitária promove 4ª Feira do Livro do Harmonia

Entre os dias 4 a 6 de setembro, de segunda a quarta-feira, ocorre a 4ª Feira do Livro Comunitária do Bairro Harmonia. O evento trará uma intensa agenda de encontros com escritores e palestras mostrando diferentes histórias na Escola Municipal de Ensino Fundamental João Paulo I (Rua São Pedro Pescador, 525). A promoção é da direção da escola em conjunto com a Biblioteca Comunitária Simões Lopes Neto e a Associação Canoense de Escritores (ACE).

De acordo com o idealizador da Biblioteca, escritor Jairo Luiz de Souza, a entrada da Feira em uma escola é um grande ganho para o público e para os demais envolvidos. “É um espaço com boa estrutura, e que permite à gente trazer bons escritores não só canoenses, mas também de fora”, argumenta.

Na programação, com foco na literatura infantil, estão Dilan Camargo, patrono da quarta edição; Gerson Colombo, Gláucia de Souza, Adriana Tavares, Kalunga, Alexandre Brito, Maristela Buongiorno, Julio Ribeiro, Ana Godoy, Antonio Canabarro Trois Filho (o popular Tonito), Monika Papescu, Olegar Lopes, Angélica Rizzi, Shanti Rocha Teixeira, Demétrio Leite, Jonatan Ortiz, Vera Nascimento, Henrique Martins de Freitas, Nestor José Mayer, Gislaine Oliveira, Mário Pirata, Nelsi Urnau, Denise Wedman, Gelson Weschenfelder, Fernando Almeida, Álvaro Renato Lopes e Adrian dos de Lima. Completam a programação shows musicais, oficinas e apresentações teatrais.

Espaço feito por canoenses

A Biblioteca Comunitária Simões Lopes Neto funciona há nove anos no número 252 da Rua José Veríssimo. Em um espaço até então alugado para comércios, o contador e escritor Jairo Luiz de Souza resolveu promover a leitura a partir de sua coleção pessoal. “Eu tinha uns 250, 300 livros à época, e queria isso circulando”, explicou Jairo.
Pagando do próprio bolso e contando com parcerias como as da ACE, o acervo está sempre sendo expandido. É possível retirar livros e revistas tornando-se sócio. O custo? É só doar uma publicação para o espaço e fazer o cadastro.

Além da Feira do Livro, a biblioteca ainda promove diversas outras atividades durante o ano. No próximo dia 30 de setembro, por exemplo, ocorre o 1º Sarau de Libras da instituição, promovido por grupos da UFRGS e da Universidade Federal de Pelotas (UFPel). A intenção é sempre promover não só o hábito de leitura, mas o hábito da escrita, principalmente entre os jovens.
A estrutura da biblioteca inclusive trabalha no sentido de ajudar aspirantes a escritor a melhorarem seus dons, com o apoio da ACE. “Queremos sempre ajudar. Começaremos, por exemplo, uma oficina de Redação para o ENEM no próximo dia 11”, apontou Jairo.

Jairo Luiz de Souza se coloca a ajudar desta forma por ter sido incentivado por vários outros escritores canoenses anteriormente. Segundo ele, o nome que mais lhe vêm à mente é o de Cícero Galeno Lopes. O escritor nascido em Uruguaiana e falecido no último mês de abril era padrinho da biblioteca. O Doutor em Letras pela UFRGS foi inclusive patrono da primeira edição da Feira do Livro Comunitária do Bairro Harmonia. “Foi alguém que me inspirou demais para seguir buscando a escrita enquanto atividade”, afirmou, em meio às lembranças.