Centenário de Hugo Lagranha: Solenidade marca homenagem na Casa dos Rosa

Canoas comemorou, nesta segunda-feira, 9, o aniversário de um dos políticos mais lembrados pelos cidadãos canoenses. Se estivesse vivo, o ex-prefeito Hugo Simões Lagranha completaria 100 anos neste dia. A data foi marcada por homenagens de familiares, amigos e também da Prefeitura de Canoas, órgão que Lagranha comandou por cinco mandatos. Durante a manhã, cerimônia na Casa dos Rosa teve inauguração da escultura do ex-prefeito, produzida pelo artista plástico e arquiteto Pedro Girardello, e a abertura da exposição Alquimia Gráfica, assinada por Eliane Santos Rocha, filha de Lagranha.

Nascido na Fazenda São Félix em Alegrete, em 9 de abril de 1918, contador por formação, Hugo Simões Lagranha dedicou sua vida à política canoense. Suas principais contribuições ao desenvolvimento da cidade estão no combate aos alagamentos e cheias dos anos 60, a construção de canais, diques, casas de bombas, termelétricas e urbanização dos bairros. Também foi importante protagonista na vinda da Refinaria Alberto Pasqualini para Canoas, bem como de outras indústrias, o que gerou um importante crescimento econômico e social na cidade. Foi prefeito nas gestões 1964-1967, 1968-1971, 1983-1986, 1989-1992 e 1997-2000. Também foi vice-prefeito entre os anos de 1956 e 1959, vereador entre 1973-1977 e deputado federal em 1995 e 1996.

Durante a cerimônia nesta segunda-feira, o prefeito de Canoas, Luiz Carlos Busato, que foi servidor público e trabalhou ao lado do homenageado, lembrou do estilo Lagranha de comandar a prefeitura. “Ele caminhava muito pela cidade, conhecia todas as obras que estavam sendo feitas e ouvia as pessoas. Ele, com certeza, serviu e servirá de exemplo para todos os políticos desta cidade”, disse. Busato ainda parabenizou a família do ex-prefeito e a cidade “por terem uma pessoa com a estirpe de Hugo Lagranha”. A vice-prefeita, Gisele Uequed, também teceu elogios ao ex-prefeito. Para ela, Lagranha foi um marco na sociedade política de Canoas. “É preciso aprender aquilo que foi feito no passado para saber o que se deve fazer no futuro” disse Gisele ao lembrar das conquistas do homenageado.