Contrato garante construção de 500 unidades habitacionais em Canoas

A prefeita em exercício, Gisele Uequed (Rede), assinou nesta quarta-feira, 7, com o superintendente de habitação da Caixa Econômica Federal do Vale do Sinos, Jairo Manfro, contrato que inicia a construção de 500 unidades habitacionais em Canoas. Os apartamentos serão construídos nos bairros Fátima e Olaria, num investimento de R$ 41 milhões oriundos do Programa Minha Casa, Minha Vida. A vice-prefeita assumiu o cargo devido ao prefeito Luiz Carlos Busato (PTB) solicitar licença não remunerada de três dias.

No bairro Fátima, serão 300 apartamentos em 15 torres com mais de 23,2 mil metros quadrados construídos. No bairro Olaria, outras 10 torres com 200 apartamentos, num total de 500 unidades. Gisele Uequed destaca a importância de gestão para que as ações se tornem possíveis. “As obras, além de reduzirem o déficit habitacional, garantem cidadania às pessoas contempladas já que as unidades são próximas a escolas e postos de saúde. Um investimento deste porte se dá com a competência de nossa equipe na captação do recurso e agilidade para regularizar a doação do terreno”, pontua.

Ambos os condomínios contam com quadras de esportes, salão de festas, playground, portaria e vagas de estacionamento. O início das obras está previsto para a próxima quarta-feira, 14, e a entrega deve ocorrer no prazo de 18 meses. A Prefeitura afirma que está investindo em infraestrutura, redes de drenagem, água e esgoto, estação de bombeamento, iluminação pública e na urbanização do entorno, através da construção de equipamentos públicos como Escola Infantil e Unidade Básica de Saúde (UBS).

OBRAS

Atualmente, estão sendo executadas 236 unidades habitacionais em Canoas – Morada Cidadã e MQ4, nos bairros Guajuviras e Fátima, sendo que 4.451 unidades habitacionais já foram entregues para famílias sorteadas e reassentadas.