Dirceu: “Canoas terá um braço direito dentro da Assembleia”

Não chegou a ser uma surpresa, mas foi surpreendente o número de votos conquistados por Dirceu do Busato (PTB) nas últimas eleições. De um total de 37.322, 3.958 votos foram de canoenses. Em conversa com a reportagem do jornal Timoneiro, ele promete que a relação com a cidade será estreita: “Canoas terá um braço direito dentro da Assembleia Legislativa. Vou estar sempre disponível”.

Confiança

Dirceu afirma que esperava o resultado obtido nas urnas. “Trabalhei forte nos municípios, e essa foi uma eleição muito atípica, com muita renovação”, diz o deputado eleito. Ele ainda comenta que houve um recado de insatisfação com os políticos que já estavam no poder. Conhecido por sua relação próxima ao prefeito de Canoas, Luiz Carlos Busato (PTB), Dirceu explica que as pessoas passaram a chamá-lo dessa forma, “do Busato”. Ele afirma que, assim que iniciar seu mandato na Assembleia, passará a usar seu sobrenome: Franciscon.

Propostas

Como proposta de trabalho, Dirceu promete dedicação em pautas como geração de emprego e renda, melhorias no sistema de saúde e incentivo ao agronegócio. “Sou filho de agricultor e conheço a realidade de quem trabalha ali. Eu sei como é o sofrimento para sobreviver”, afirma. Ainda dentro do agronegócio, ele pretende verificar as regulações da Anvisa sobre produtos coloniais e promover incentivos para a produção na área. “Meu projeto é cuidar do ser humano. Trabalhar para que o ser humano seja bem atendido. Vou me esforçar ao máximo para isso”, completa.

Estado

Questionado sobre os principais problemas do Estado, Dirceu afirma que deve ser feito um “encontro de contas”. Segundo ele, o Governo Estadual deve negociar, por que o Rio Grande do Sul tem dinheiro em haver com o Governo Federal: “Podemos abater grande parte dessa dívida.” Franciscon ainda afirma que é contra a privatização do Banrisul e da Corsan, mas defende a redução do tamanho do Estado e da burocracia.