Em seis meses, Conselho Tutelar realiza mais de 4,5 mil atendimentos

1º Encontro ocorreu no La Salle. Foto: Gustavo Garbino/PMC.

1º Encontro ocorreu no La Salle. Foto: Gustavo Garbino/PMC.

Na quarta-feira, 13, um balanço das quatro microrregições do Conselho Tutelar de Canoas foi apresentado no 1º Encontro do Conselho Tutelar, que lembrou os 26 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Nos seis primeiros meses deste ano, em toda a cidade, o Conselho realizou 4.619 atendimentos, recebeu 681 denúncias encaminhou 783 casos, além de acompanhar 468 fichas de frequência escolar. O próximo encontro está marcado para dezembro deste ano.

Conforme dados do balanço do primeiro semestre, foram registrados cerca de 60 casos de violação sexual a crianças e adolescentes e mais de 500 alunos fora da escola, por evasão ou infrequência escolar. O Conselho Tutelar também realizou um trabalho de acompanhamento de 39 meninos que vivem em situação de rua. No encontro, que lotou o Salão de Atos do Colégio La Salle, também foi apresentada a experiência canoense da Rede de Proteção e Defesa da Criança e do Adolescente.

O público pôde conhecer o histórico do órgão, instalado em Canoas em 1993, sua composição, atribuições e o trabalho dos Conselhos Tutelares, além do Plano de Ação para o período 2016-2010, dividido em quatro etapas.