La Salle Canoas completa 110 anos de história

Atuando desde 1908 na formação de crianças, jovens e adultos, o Colégio La Salle Canoas completa 110 anos. A organização integra a Rede La Salle, sendo pioneira em diversas modalidades de formação. Hoje, o colégio atende crianças e adolescentes com Educação Infantil, Ensinos Fundamental e Médio. Paralelamente, no mesmo complexo o Unilasalle forma profissionais em diversos cursos de graduação.

Instituto São José

Os lassalistas chegaram a Canoas, quando a cidade ainda era parte de Gravataí, em 1907, liderados pelo Irmão Pedro. Na época, um grupo de irmãos comprou a propriedade da família Weingartner para a construção do que inicialmente foi chamado de Instituto São José de Canoas.

O colégio abriu as portas já em 1908, em regime de externato, e em 1910 implantando o primeiro pensionato para garotos na cidade, com a finalização do prédio conservado até hoje nos fundos da Unilasalle, no qual fica hoje a sala dos professores. Assim, jovens de todas as partes do Estado podiam vir estudar Economia ou Agronomia em um espaço que, à época, contava com uma substancial parte rural, e ainda ficava muito próximo a Porto Alegre.

Externato São Luís

Nesta primeira fase, que durou até 1925, também foi aberto, no mesmo local, uma instituição para ensinar os meninos mais pobres, a Escola Paroquial Externato São Luís. Em 1913, chegaram a ser registrados 237 alunos – uma enorme soma, considerando o desenvolvimento canoense até então. Estes eram divididos em três grupos: os pensionistas dos cursos de comércio e agronomia; os externos destes mesmos cursos, que moravam em Canoas; e os alunos do primário do São Luís. Desde o começo da Primeira Guerra Mundial (1914-18), os irmãos não vinham mais da Europa para o Brasil.