Mutirões marcam primeiro ano de gestão da Saúde

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Canoas divulgou, na última semana, os resultados obtidos na gestão da pasta em 2017. A secretária Rosa Groenwald comemorou: “Realizamos uma grande reestruturação da secretaria, implementamos uma fiscalização rígida e, graças ao trabalho dedicado dos nossos profissionais da saúde, conseguimos realizar os mutirões em diversas especialidades, atendendo pessoas que esperavam na fila há mais de 3 anos. Realizamos o resgate da dignidade dos profissionais”, destaca. O maior destaque, de acordo com a gestão, ficou por conta dos mutirões realizados. No mês de fevereiro, tais ações foram realizadas para combater uma demanda reprimida que, segundo a Secretaria, somava 153 mil procedimentos na atenção básica. Também existia, no Hospital Universitário (HU), uma fila de 45 mil atendimentos represados.

Especialidades Médicas

A Prefeitura também destaca a abertura, no mês de dezembro, do Centro de Especialidades Médicas (CEM). Localizado na Rua Brasil, o equipamento abriga também o Serviço de Atenção Especializada (SAE) e o Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA).

Obras

Entre outros destaques está a retomada de obras de reforma e ampliação nas Unidades Básicas de Saúde do município. De acordo com a Prefeitura, nos próximos dias será inaugurada a nova UPA do Idoso e o Centro de Referência do Idoso, localizados na Avenida Guilherme Schell.

Canoas Mais Leve

Ainda, a Secretaria iniciou, no mês de junho, o projeto Canoas Mais Leve. O objetivo do programa é reduzir os índices de mortalidade na população usuária do SUS em razão de problemas ligados à obesidade e excesso de peso.