Nenê da Harmonia é campeã do Carnaval de Canoas

No último sábado, 24, a Associação Recreativa Cultural e Carnavalesca Nenê da Harmonia foi a grande campeã do Carnaval de Canoas 2018. A escola trouxe à avenida um olhar sobre a Amazônia brasileira e as antigas civilizações da América do Sul. Foram nove horas de festa e 1580 pessoas desfilaram pela Avenida Victor Barreto, no centro de Canoas.

Apesar da chuva, o público também marcou presença e conferiu de perto o colorido das fantasias e as diversas narrativas que tomaram conta da avenida, com enredos que foram desde a luta contra o preconceito até a história da aviação.

Enredo

A Nenê da Harmonia, primeira escola do Grupo Especial a desfilar, trouxe à tona a luta de tribos indígenas que habitam a Amazônia. Com uma crítica à colonização europeia que, como cantou a samba-enredo, trouxe ambição ao continente sul-americano a agremiação encantou o público. A lenda da cidade de Paititi serviu como inspiração para a construção do samba. De acordo com a história, a cidade foi construída pelo herói Inca Inkarri e fora chamada de Eldorado pela incontável quantidade de ouro que escondia dos colonizadores. O paraíso perdido e as guerras travadas no continente pautaram as mais diversas alegorias da escola. As fantasias, carregadas de penas e adereços, foram dominadas pelo dourado.

O desfile das escolas de samba do Grupo de Acesso, que começou às 21 horas, surpreendeu o público que acompanhava a passagem das agremiações na Avenida Victor Barreto.

Classificação final

Grupo Especial:

1º Nenê da Harmonia 158.6

2º Rosa Durada 157.9

3º Nossas Raízes 150.03

4º Unidos do Guajuviras 145.7

5º Os Tártaros 142.7

Grupo de Acesso:

1º Os Soares 158.4

2º Pérola Negra 139.2

3º Império da Mathias 136.3

4º Aquarela do Samba 134.9