Inicia a campanha Abrace o Pestalozzi

Ação visa remodelação da instituição criada há 87 anos pelos professores Thiago e Johanna Würth.

O Instituto Pestalozzi lançou, na manhã da terça-feira, 30, a campanha Abrace o Pestalozzi, que terá duração de um ano. O objetivo da ação é a remodelação da instituição, que já completou 86 anos. Serão realizadas diversas atividades no decorrer deste um ano, a fim de resgatar a memória do instituto, abrindo às portas para a comunidade canoense.

O Pestalozzi atende atualmente 180 pessoas com deficiência. O aluno mais idoso tem 48 anos e o mais novo seis anos de idade. O aprendizado na instituição equivale ao oferecido na rede regular de ensino, adaptada às capacidades e habilidades individuais do aluno, conforme o previsto na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional nº 9394/96 e da Política Municipal da Educação Especial de 1ª a 4ª série do ensino fundamental. Contempla Língua Portuguesa, Matemática, Ciências Naturais, História, Geografia, Educação Física, Artes, Sociedade e Cidadania e Temas Transversais como também parte diversificada tais como: Informática, Musicalização, Sala de Recursos e Psicomotricidade Adaptada.

Quem quiser conhecer mais sobre o projeto pode acessar o site www.abraceopestalozzi.com.

A instituição
Em 1926, os professores Thiago e Johanna Würth iniciaram num ambiente modesto, uma escola especializada para educandos com dificuldades na escola comum. Nascia assim, no Rio Grande do Sul, a primeira escola de ensino especial de iniciativa não governamental do Brasil, denominado Instituto Pestalozzi em homenagem ao educador suíço Johan Heinrich Pestalozzi, cujas ideias educacionais inspiraram o professor Thiago Würth.

Powered by Supremo Hosting

Assine nossa newsletter