Por que a gasolina vendida em Canoas é tão cara?

O Brasil, em meio a uma crise política sem precedentes, ainda tenta sair de outra crise, a econômica. Por enquanto, essa tarefa tem sido difícil, principalmente para o trabalhador que vê seu poder aquisitivo cair dia após dia. Em Canoas, a situação se agrava para aqueles que precisam se deslocar de carro. A gasolina, que vem sofrendo aumentos em suas tarifas em todo o Brasil, é comercializada nos postos da cidade como uma das mais caras da Região Metropolitana.

Diferença

Para Paulo Telles, a diferença de valores gera grande impacto na rotina. “Eu uso carro para trabalho e sinto a diferença no meu bolso”, conta. Ele comenta que, por exemplo, em deslocamentos de Canoas a Nova Santa Rita , na ida e volta, gastava R$ 25. Agora os gastos chegam a R$ 40.

“O valor é o mais caro de toda a região, sendo que temos uma refinaria dentro do município. Eu não consigo entender”, diz Leonardo, ex-motorista de Uber que agora trabalha com transporte privado. Ele relata que trabalha principalmente em Canoas, mas atua também na Região Metropolitana, onde encontra gasolina mais barata: “Pago barato em novo Hamburgo e são Leopoldo”. O valor afeta a rotina de trabalho de Leonardo, que não anda com o tanque do carro cheio. “Dependendo da situação, vou atrasar alguma viagem, pois coloco de pouco a pouco em postos de fora da cidade.Se fosse mais barato, poderia estar sempre com o tanque cheio, prestando o serviço dentro de canoas”, conclui.

Comparação

Na comparação com os demais municípios da Região Metropolitana, Canoas é campeã em valores altos. A reportagem consultou a tabela de preços da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (Anp), no período entre junho e agosto de 2017, para comparar os valores praticados. Entre as maiores cidades da região, apenas Porto Alegre tem gasolina mais cara.

Petrobras

A Petrobras anunciou, na última segunda-feira, 14, a redução do preço da gasolina vendida às distribuidoras em 1,4% e subiu o valor do diesel em 0,7%. A companhia não comentou quanto isso poderá incidir nas bombas ao consumidor, pois o mercado de combustível é regido pela livre concorrência entre os postos.

Segundo a empresa, a política de preços para a gasolina e o diesel vendidos nas suas refinarias às distribuidoras tem como base o preço de paridade de importação, que representa a alternativa de suprimento oferecido pelos principais concorrentes para o mercado.

Preços de Junho
Canoas: R$ 3,694
Novo Hamburgo: R$ 3,199
São Leopoldo: R$ 3,438
Porto Alegre: R$ 3,731

Preços de Julho
Canoas: R$ 3,65
Novo Hamburgo: R$ 3,264
São Leopoldo: R$ 3,368
Porto Alegre: R$ 3,725

Preços de Agosto
Canoas: R$ 3,911
Novo Hamburgo: R$ 3,501
São Leopoldo: R$ 3,67
Porto Alegre: R$ 3,967