Secretário-adjunto da Saúde deixa cargo para assumir direção geral do HPSC

O ex secretário-adjunto da Saúde de Canoas, Rinaldo Simões, assumiu como diretor geral do Hospital de Pronto Socorro de Canoas (HPSC). Estarão sob sua responsabilidade também as Unidades de Pronto Atendimento (UPA’s) Caçapava e Rio Branco.

A gestão do HPSC é realizada pelo Grupo de Apoio e Prevenção à Medicina (Gamp). Conforme Rinaldo, ao assumir o cargo, a prioridade é implementar as políticas de Saúde do governo dentro do hospital.

“Como o HPSC é municipal, estou indo para ter maior liberdade em buscar mais qualificação e melhor atendimento ao canoense e aos municípios referenciados. A expectativa também é de trabalhar agora uma política mais eficiente e resolutiva com o Estado na área de Urgência e Emergência, tendo em vista graves problemas existentes”, explicou o novo diretor geral do HPSC.

Rinaldo ainda cita como pretende realizar mudanças na gestão do hospital: “Acredito que as discussões que ocorrerão com o corpo técnico e a Alta Administração do GAMP poderão apontar melhorias que, em um ambiente respeitoso e de parceria corporativa, venham a representar indiscutíveis avanços na luta a favor da vida.”

Problemas

“O HPSC nos últimos anos, por decisões mal formuladas em gestões passadas (municipal e estadual), enfraqueceu a sua missão no tocante ao porte de atendimento prestado em sua urgência e emergência”, afirma Simões. Para ele, um dos problemas reside no atendimento em grande número a pessoas de fora de Canoas, que poderiam ter seus problemas resolvidos no município de origem.

Trajetória

Em sua experiência profissional, Rinaldo Simões exerceu o cargo de gestor como Diretor Geral do Hospital de São Francisco de Paula, foi Secretário de Saúde do Município de São Francisco de Paula entre 2014 e 2016. É graduado em Gestão Hospitalar pela Universidade de Franca – São Paulo, com curso de Especialização de Custos Hospitalares pela Fundação Getúlio Vargas. Possui MBA  em Administração e Qualidade e Pós Graduando em Filosofia Clínica.