Ulbra acolherá 27 jovens aprendizes na área administrativa

abertura ulbra

Na tarde desta quarta-feira, 1ª, a Ulbra recebeu o encontro de integração do programa Jovem Aprendiz para início da prática da primeira turma do Colégio Ulbra São Lucas, de Sapucaia do Sul. Vinte e sete estudantes que iniciaram há um ano o curso de Assistente Administrativo vão iniciar no dia 8 de novembro práticas em setores administrativos da Ulbra. A proposta é que os jovens exerçam o que aprenderam nas aulas teóricas. O São Lucas é o pioneiro da Rede de Escolas da Ulbra a agregar o programa do Governo Federal, que estimula o ingresso dos jovens no mercado de trabalho.
Participaram da integração a diretora da Rede de Escolas da Ulbra, Núrfis Vargas, o diretor do campus Canoas, Erivaldo Diniz de Brito, o diretor do Ulbra São Lucas, Everton Vargas e a analista do departamento de RH da Aelbra, Catiussa Stum Torres.

Núrfis deu as boas-vindas aos jovens e disse que desde 2015 houve muito esforço da área de Recursos Humanos da Aelbra e do Colégio Ulbra São Lucas para que fosse proporcionada essa oportunidade. “Ocorreram várias reuniões, inclusive com representantes do Ministério do Trabalho, para que a escola São Lucas se tornasse uma instituição de ensino executora. Agora tudo já é realidade e vocês precisam ter muita persistência para seguir em frente”, salientou.

O diretor do campus também destacou que o sucesso dependerá do esforço de cada participante do projeto. “O triunfo nessa jornada estará diretamente ligado à dedicação e ao empenho que vocês darão ao próprio trabalho, mas saibam que nessa Instituição sempre haverá o apoio necessário”, disse Brito.
Durante o encontro foi entregue aos jovens aprendizes o manual de integração e o guia do campus. A analista de RH da Aelbra, Catiussa, forneceu informações a respeito do contrato de trabalho e de outros benefícios.

Também foi apresentado aos participantes do projeto um histórico da trajetória da Ulbra. Os jovens aprendizes trabalharão três dias por semana em atividades práticas na Ulbra e duas vezes por semana seguirão com aulas teóricas no São Lucas. A jovem Roberta Brandão, de 17 anos, contou que tem grande expectativa para o início das práticas na Universidade. “Estou ansiosa, pois esse será meu primeiro emprego. Espero adquirir mais conhecimento e colocar em prática o que aprendi na teoria”, disse.