Vereador Mossini faz campanha para construção de batalhão da Brigada

A campanha “#Canoas precisa de mais um Batalhão para nossa segurança” tem sido divulgada pelo vereador Cezar Paulo Mossini (PMDB) como uma necessidade para controlar os índices de insegurança no município. Em visita à redação do jornal Timoneiro, o parlamentar falou sobre a motivação para a campanha e o principal foco de cobranças e fiscalizações.

De acordo com Mossini, a divulgação serve para chamar a atenção da população de Canoas para a lei N° 5.467, de 15 de março de 2010, que deixa clara uma contrapartida por parte do governo do Estado, que se comprometia a “Instituir e colocar em funcionamento novo batalhão da Brigada Militar em Canoas”, por conta da instalação do presídio na cidade. “Quando foi doada essa área, foi feito um protocolo de intenções, onde há várias contrapartidas. Então, vamos colher assinaturas e depois levar até a autoridade competente para que tomem as providências no sentido de cumprir o que está na lei”, afirma o vereador.

“Já estamos fechando oito anos desde esse compromisso firmado. Como não se falou mais dessa contrapartida, queremos chamar a atenção para isso. Meu objetivo é que chegue essa contrapartida, de policiamento ostensivo para os canoenses”, explica Mossini. Em seu material de divulgação da campanha, o parlamentar elenca diversos motivos para se ter mais um batalhão na cidade: Entre os tópicos, é destacada a população de Canoas, que já chega aos 343 mil habitantes, de acordo com estimativa do IBGE em 2017; também são citados os números de escolas, bancos e agências lotéricas na cidade; o aumento da criminalidade e do número de arrombamentos em residências também é elencado. A lista também cita a existência de dois estabelecimentos prisionais em Canoas.